Como melhorar a comunicação entre surdos e ouvintes?

Categoria:
comunicação entre surdos e ouvintes

Quando se fala em comunicação entre surdos e ouvintes, muitos preconceitos aparecem, assim como comportamentos originados por falta de conhecimento. Há quem ache que sempre precisa gritar para se fazer ouvir pela pessoa com deficiência auditiva, alguns acreditam que todo surdo utiliza a Libras e existe também quem, simplesmente, evita o diálogo com indivíduos que têm perda de audição.

Diante das dificuldades citadas, resolvemos criar o artigo de hoje para desmistificar algumas ideias e melhorar a interação entre pessoas surdas e ouvintes. Afinal, uma sociedade inclusiva é muito mais dinâmica e pode vivenciar trocas de experiências ricas.

Melhorando a comunicação entre surdos e ouvintes

Antes de qualquer coisa, você precisa entender que existem diversos graus de surdez, e isso impacta na forma de comunicação. Sendo assim, algumas pessoas possuem dificuldade apenas para entender conversas em locais muito barulhentos enquanto outras, praticamente, não captam nenhum som. Há, ainda, indivíduos que usam aparelhos auditivos e conseguem escutar com plenitude, outros que fazem leitura labial e também existem aqueles que utilizam a Língua Brasileira de Sinais (Libras).

O mais importante é que cada uma dessas pessoas é um indivíduo com plena capacidade cognitiva e que busca interação social. Por isso, a comunicação entre surdos e ouvintes é algo necessário. É por meio dela que se combate o preconceito e diminuiu-se o isolamento que atinge muitos indivíduos com perda auditiva. Porém, como realizar essa comunicação de forma natural? A seguir, estão algumas dicas bem simples.

1. Fuja dos pressupostos e conheça a pessoa com a qual está se comunicando

Como comentamos anteriormente, quando se trata de surdez, existe uma variedade de indivíduos que se encaixa nesse grupo. Sendo assim, procure entender as necessidades da pessoa com quem está conversando.

Ela comunica-se apenas através de Libras? Então, talvez você precise um intérprete. Porém, se fizer leitura labial, fale normalmente, mas sempre em uma posição de frente para a pessoa. Ela usa aparelhos auditivos? Bem, isso quer dizer que consegue lhe ouvir  e você pode conversar de forma cotidiana.

2. Não grite

Esta dica é uma consequência da anterior. Gritar é algo deselegante e, dependendo do grau de perda auditiva do indivíduo, não fará nenhuma diferença para a comunicação. Desse modo, se não conhecer a pessoa, comunique-se sempre de frente para ela e em um tom natural. Fale mais alto apenas se lhe for solicitado.

3. Dê preferência para apresentações mais visuais

Esta dica é especialmente importante para momentos de reuniões ou em salas de aula. Valorize a utilização de slides com imagens significativas para ilustrar o que você estiver explicando. Isso facilita a compreensão de todos e mais ainda de quem possui algum nível de surdez. Afinal, caso a pessoa não entenda algo que foi falado, ela não irá perder informações por conta das imagens.

4. Use vídeos com legendas e tradução em Libras

A Libras é especialmente importante dentro da comunidade surda e seu uso deve ser difundido para que tenhamos uma comunicação acessível. Contudo, nem toda pessoa com perda auditiva utiliza essa linguagem, fazendo uso tradicional do português. Neste caso, a legenda é um recurso essencial para ajudar na comunicação entre surdos e ouvintes.

5. Tenha empatia

Seja com pessoas de sua família, de seu ciclo de amizades ou desconhecidos, a empatia é a chave para uma boa convivência. Sendo assim, respeite cada indivíduo e tenha atitudes, como as que citamos nas dicas anteriores, que facilitem a comunicação. Quando possível, incentive as pessoas a procurarem tratamento médico — os aparelhos auditivos ajudam a solucionar muitos problemas de perda auditiva — e, acima de tudo, aprenda com as diferenças.

Sendo assim, coloque em prática tudo  que explicamos ao longo do artigo e ajude a sociedade a melhorar a comunicação entre surdos e ouvintes. Aproveite e compartilhe o texto de hoje com seus amigos e familiares!

Conheça nossa loja online Loja online