Modelos de aparelhos auditivos

Os aparelhos auditivos não são todos iguais, existem importantes diferenças, especialmente no que diz respeito a recursos inovadores que permitem ajustes específicos, programas variados e proteção contra ruídos ambientais, entre outros fatores. Por isso é muito importante observar essas diferenças no momento da aquisição do aparelho. Algumas características podem ser indispensáveis para uma audição confortável, clara e natural.

Conheça as opções de modelos que podem se adaptar à sua realidade.

Adaptação Aberta – Desenvolvido para pessoas que valorizam sua individualidade. Compacta, inteligente e sofisticada, essa linha pode melhorar sua qualidade de vida de várias maneiras. Os aparelhos auditivos chamados de Adaptação Aberta foram desenvolvidos para a eliminação do conhecido “efeito de oclusão”, que é aquela sensação desconfortável de audição abafada que alguns pacientes sentem quando começam a usar aparelhos.

Receptor no Canal (RIC) – Elegância, discrição e aquela sensação de bem estar fazem parte desta linha, e conquistam aqueles que prezam sua aparência e querem ouvir com total qualidade. O aparelho auditivo RIC pode ser adaptado para perdas leves, moderadas ou até mesmo severas, com a grande vantagem de esteticamente ser mais discreto.

Retroauricular (BTE) – Projetado para que fique confortavelmente atrás das orelhas. Sua maior vantagem é a flexibilidade de ajustes. Este tipo de aparelho auditivo pode acomodar componentes e pilhas maiores, proporcionando maior economia e potência.

Microcanal (CIC) – Possui a menor configuração intra canal possível do mercado. A microtecnologia foi essencial para o desenvolvimento deste aparelho, permitindo que muitas pessoas supram suas necessidades auditivas com o máximo de estética.

Intra-canal (ITC) – Confortável e discreto, preenche a parte interna e pequena porção da parte externa do pavilhão auditivo, com ou sem controle de volume externo.

Para saber mais informações agende seu atendimento.